sexta-feira, 3 de julho de 2009

Recomeçar



Em mim a esperança retoma seu lugar,

Antecipo a alegria do nosso encontro,

Já me invade aquela sensação de paz,

Estou de volta à vida.

Abre-se a cortina,

Começa o segundo ato,

No palco atores improvisam,

Dançam ao som do dia.

Ainda posso ver a beleza dos nossos corpos nus,

Nossos gestos de amor,

Tantas palavras doces,

Afogadas em um copo de água gelada.

Posso ver a magia de ser sua,

Ela está dentro de mim,

Seu nome é minha liberdade.

Hoje habito em mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget