domingo, 5 de julho de 2009

Quem é você, mulher?



Que mulher poderá ser essa que surgiu em mim...

De repente, simplesmente bela, sensível e especial.

Que mulher se entrega assim a uma paixão?

Que mulher arriscaria tanto por um sonho infantil?

Que mulher é essa que insiste no verbo amar.

Que dedica-se e quer oferecer colinho?

Que mulher é essa que o acaso trouxe para viver dentro de mim?

Que passa de guerreira a Amélia em um piscar de olhos?

Que mulher é essa que a vida quer plantar em meu caminho?

Que mulher é essa que ama você sem nenhuma condição?

Será que essa realmente sou eu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget