domingo, 5 de julho de 2009

Antônimos



Estranhamente sinto aquecido o meu coração.

A vida se alterna dentro de mim.

É chuva e sol!

É cara e coroa!

É quente e frio!

Mudo de estado a cada segundo,

Passo do liquido para o sólido,

Do neutro para a grande explosão,

É um ritmo lento e acelerado...

É tudo muito louco!

Tudo ferve e congela dentro de mim,

Sentimentos opostos se misturam.

E de repente, estou assim:

Com o coração estranhamente aquecido.

Será que consegui virar mais uma página triste de minha vida?

Será que venci a batalha ou a guerra?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget