terça-feira, 30 de junho de 2009

Vida



Nasce o dia!

Recomeça o brilho do sol.

Renasce a esperança daquele que chora,

Latejam novamente os corações aflitos.

A sorte abençoa alguns,

A dor retoma seu lugar,

A felicidade invade seus escolhidos,

A morte ronda suas vítimas.

O amor percorre seus estranhos caminhos,

A saudade apunhala os que estão distantes,

A aflição cresce dentro do peito de quem espera o veredicto,

O riso se estampa na face do que alcançou a paz.

A incerteza domina aqueles que amam em segredo,

O desespero invade o coração da mãe que procura seu filho,

A impotência magoa alguns valentes,

A revolta impulsiona quem perdeu seu irmão.

A fé visita o coração dos escolhidos de Deus.

È mais um dia!

Apenas mais um dia!

Um dia ou um açoite?

Um dia e depois outra noite.

Um comentário:

  1. Bem que na própia Biblia diz:" basta cada dia o seu mau". Então a questão é viver cada dia sem nos preocupar, com o que virá depois.
    Att. Juerci

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget