segunda-feira, 29 de junho de 2009

A noite e você



É noite!

Outra vez é noite!

Meu peito chora...

É noite e a noite minha dor é maior.

Tudo se mistura dentro do meu coração aflito,

Grito seu nome em silêncio,

Meu corpo procura seu corpo,

Sinto na boca o gosto dos beijos e das palavras doces.

Ecoam em meus ouvidos nossas promessas de amor,

Nossa jura secreta de sermos um,

Apesar das intempéries, das pessoas e da distância.

Sofrimento e felicidade tornaram se homogêneos,

Saudade e desejo transformaram em solidão,

Só a esperança é fecunda em meu coração,

Tenho certeza que você é meu.

Tenho certeza que meu coração é seu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget